Parceria entre Sefaz, Detran e Banco do Brasil facilitará pagamento de IPVA e taxas

16/06/2015 01:37

 

Pagar débitos como o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), Licenciamento e Seguro DPVAT de veículos com um clique no celular ou na internet vai ficar mais fácil. A Secretaria de Fazenda de Mato Grosso firmou um convênio com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) e Banco do Brasil para viabilizar o pagamento de impostos e taxas estaduais por meio da instituição financeira. 

O secretário de Fazenda, Paulo Brustolin, disse durante a assinatura do documento, que a iniciativa irá impactar na vida dos cidadãos mato-grossenses devido à facilidade que a ferramenta proporcionará aos contribuintes, até mesmo para aqueles que não são correntistas do banco. 

“Vejo que quem ganha com isso é a população, que poderá fazer seus pagamentos por meio de smartphones, sem necessidade de emissão de boleto no portal da Sefaz ou do Detran, ou de se deslocar até uma Agência Fazendária, por exemplo. Então isso trará uma agilidade muito grande aos serviços prestados, o que estamos buscando desde o início dessa gestão por determinação do governador Pedro Taques”, frisou. 

A expectativa é que a ferramenta esteja pronta no período de 90 dias. As equipes de Tecnologia da Informação da Sefaz e do Banco do Brasil já estão trabalhando no desenvolvimento da tecnologia. Além disso, Mato Grosso é um dos primeiros estados do país a receber o projeto. Uma iniciativa semelhante está sendo testada em São Paulo pela instituição financeira. 

O superintendente do Banco do Brasil em Mato Grosso, Sérgio Luiz Oliveira, explicou que a instituição disponibilizará a arrecadação de tributos e pagamentos de débitos aos cidadãos através da base de dados do Estado. Isso trará, de acordo com ele, mais conveniência para que cada pessoa possa realizar seus pagamentos da melhor forma possível, seja em um terminal de auto-atendimento, internet, celular, correspondente bancário ou Correios. “Será mais vantajoso para o cidadão e cliente que tiver que pagar uma taxa do Governo do Estado”, pontuou. 

O presidente do Detran-MT, Rogers Elizandro Jarbas, avaliou que a autarquia tem trabalhado de forma intensa para garantir a eficiência dos serviços e que, por conta disso, o convênio é mais um caminho para alcançar o objetivo. “É uma ferramenta a mais para melhorar o atendimento ao cidadão e otimizar, tirando as pessoas de dentro da autarquia, possibilitando que elas tenham outras ferramentas tecnológicas para efetuar os pagamentos das taxas e realizar outros serviços”, completou.

 

CAMILA CECÍLIO 
Assessoria/Sefaz-MT